Avançar para o conteúdo principal

Missão: Ultrapassar um medo



Eu que gosto de vestir tudo e experimentar tudo, também tenho algumas dificuldades no que diz respeito a certas peças de roupa ou padrões. Como costumo dizer quando visto uma roupa tenho que a  "sentir"=olhar para o espelho e sentir alguma coisa, um sentimento, um sorriso, qualquer coisa ou só de me gostar de ver ao espelho.
Existem alguma peças\padrões que me são difíceis de usar, uma delas as riscas horizontais e golas. Para muitos que estão a ler isto pode ser parvoíce. E estão a pensar "Riscas horizontais?"
A coisa mais fácil de vestir!!! Sim até concordo com vocês mas eu não consigo. Eu olho para as riscas e fico apavorada, não consigo fixar o olhar naquele padrão. Se na minha adolescência usava-o vezes sem conta, o que é que mudou para eu o não usar agora? E as golas? Sim no inverno ou no verão pode-se usar golas, fica sempre bem.
Na minha cabeça as riscas horizontais, não me favorecem porque alargam o meu tronco e os meus ombros, se usar na parte de baixo não me incomoda. Mas na parte de cima, não consigo. Mas como aqui no blog o lema é mesmo usar tudo e ultrapassar os medos, comprei uma blusa com riscas horizontais e com um pouco de gola. Tinha e tenho que ultrapassar este medo\insegurança\sei lá o quê de uma vez por todas.
Se eu visto meias com sandálias, misturo cores que não lembra o diabo, sobreponho vestidos com calças e t-shirt? Porque não visto uma blusa com riscas e gola? Duplo desafio para mim. Eu que estou sempre a incentivar toda a gente a se genuína e a ultrapassar os medos? Chegou a minha vez. Ainda devem estar a pensar riscas e golas, facílimo, trivial ou banal.
Quando me comecei a vestir e no final olhei-me ao espelho achei que não fiquei mal ou muito mal, que se calhar estava a exagerar em relação ao que pensava da riscas. Afinal não são aquele bicho papão. Com a gola, não foi tão fácil, achei estanho demais senti-la no meu pescoço era estralho. Ao contrario do que eu pensava, as riscas não me aumentaram assim tanto quanto eu pensava e a gola sim fez-me um pouco de impressão, mas nada que com o habito passe.
Missão superada, nunca digas nunca até tentares e veres na realidade que não gostas ou te fica bem ou mal. Podes sempre ter uma surpresa.








Blusa::Zara | Saia::Zara | Bolsa::Stradivarius | Meias::Pull&Bear | Ténis::Converse
 

Comentários

  1. Em primeiro lugar estas super gira.
    Em segundo, não podemos ter medo de experimentar uma grande variedade de roupa, muita vez surpreende-nos :)
    E tu és linda.

    Beijinhos,
    www.pirilamposemarte.com

    ResponderEliminar
  2. Oi, obrigada pelo "super gira". Tinha que ultrapassar isto, riscar? Umas banais riscar? Esta ultrapassado a missão foi concluída com sucesso. Obrigada pelo teu comentário, és uma querida. BJS

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

Dress code festas

Olá minhas queridas o post de hoje é sobre dress code. Espero que vos seja útil nalguma ocasião da vossa vida.

O que é um dress code?
 É um código de como vestir, um guia de como as pessoas se devem vestir em determinadas situações, adequando sempre ao seu estilo pessoal. É sempre importante saber a hora, local e quem vai estar presente no evento. Para que as cores, brilhos e sapatos estejam de acordo.

Casual Chic:
-O dress code casual chic pode ser confundido com um estilo pessoal. Caracteriza-se pela combinação de materiais nobres como a seda e caxemira em  contraste com a sarja, algodão e ganga. Pode-se combinar peças estruturadas com outras mais moles ou fluidas.

Para eles




Para elas 




Smart Casual/ Business Casual:
-Este dress code é o típico arranjadinho que nunca nos deixa ficar mal. O smart Jacket é a peça chave para o look como os blazer, casacos de tweed ou malha. A ganga não é permitida em ambos os sexos. Assim as calças e saias devem ter um ar mais clássico. A pele é permitida, …

Dica: Segunda pele.

Olá tudo bem por ai, já chove por aqui. Com o vento que estava hoje só podia dar nisto, chuva muita chuva. Pois bem, como o blog não vive só do desafio de passar um ano sem comprar, vim partilhar uma dica com vocês. Este natal fui para o norte perto de Viseu. Estava um frio de rachar que não se podia. Eu como não gosto muito de vestir camadas, muita roupa começa a fazer me impressão e não me consigo mexer.

O que diz a etiqueta da tua roupa? Poliester ou algodão ?

Olá tudo bem por ai? Aqui estou para mais um post hoje sobre um assunto que acho que a maioria das pessoas não dão muito atenção, que eu acho muito importante. Mais uma vez pergunto, costumam olhar para as etiquetas antes de comprar a vossa roupa? Isto porque o nosso dinheiro que custa a ganhar deve ser bem investido, quanto mais na roupa já não falando do consumismo desenfreado. Já devem ter visto um post sobre isso aqui no blog. Existem peças de roupa lindíssimas e caríssimas que podem ser feitas de poliéster e baratíssimas e de má qualidade. O mesmo acontece com o algodão em que o qua difere é a sua qualidade que é altíssima. Muitas vezes já vos devem ter acontecido a roupa estragar e não durar muito, virão a composição da etiqueta da roupa? Deixem de compara gato por lebre e a investir o vosso dinheiro em peças de roupa que valem a pena, sejam mais conscientes. Assim passo a explicar a diferença entre o poliéster e o algodão e as suas vantagens e desvantagens. O poliéster é comp…