Brainstorming

Espelho meu, espelho meu...

abril 07, 2017


Sempre fui amiga dele, sempre olhei para ele com respeito embora muitas fezes achasse que aquilo que eu via nele, não era bem aquilo que eu queria ver... ok eu explico... estou a falar do espelho. As vezes achava que ele me enganava e que a imagem que ele projetava de mim não era bem aquele que eu via. Tipo olhava para as minhas pernas e sabia que elas eram magras mas mesmo assim vestia uma mini saia por achar que o espelho me estava a enganar e que não eram assim tão magras e até ficava bem de mini saia.
Sim gosto de me ver ao espelho e ver as minhas mudanças, é sempre para ele que olho quando me acabo de vestir para ver a roupa que combinei. Ele mostra-nos como somos na realidade? Existem muitas pessoas que não se olham ao espelho, porque não gostam da imagem que ele projeta delas. Será que a culpa é do espelho? Acho que a culpa é mais da cabeça delas, veem uma imagem destorcida daquilo que realmente são. E não pensem que são só os adolescentes que pensam assim, existem muitos adultos que se recusam a olhar ao espelho. Porque são gordos, porque são magros, por que são feios, porque os traumas da vida desencadearam mecanismos no seu cérebro a odiar aquela imagem que o seu maior inimigo reflete, a deles, no espelho.
O espelho não é vosso inimigo... ele só mostra a realidade...o teu cérebro é que destroce a imagem que não quere ver. O problema é o teu cérebro, que pensa demais, que vê demais, que vê para além daquilo que o espelho reflete que não é verdade, mas que ele inventa. Ele sim é negativo, feio, gordo, magro e bonito.
Olha-te ao espelho sem pensar e vê realmente quem tu és, sem que o teu cérebro te julgue e verás o quanto és espetacular quando te olhas. Não tenhas medo...é apenas tu. Aprende a gostar daquilo que vês, o teu verdadeiro eu.

You Might Also Like

0 comentários